Alguns sites são bem claros a respeito de suas políticas sobre bloqueadores de anúncios. Quem nunca foi surpreendido com uma tela parecida com essa durante suas andanças pela internet?

É comum até que esses sites forneçam dicas, links, e artigos de blogs completos dedicados apenas a guiar o usuário a remover os bloqueadores de anúncios, ou apenas adicionar o site em questão à sua whitelist.

Anúncios na internet são um assunto polêmico que gera muita discussão. Algumas pessoas são completamente contra o uso de anúncios, e ativamente militam contra a prática, como os desenvolvedores do pihole e do ublock, que aliás, são excelentes formas de se proteger contra anúncios invasivos, enquanto outros, acham que anúncios são uma forma viável de financiar as operações de seus websites. Eu pessoalmente, acredito que a forma em que se utilizam anúncios hoje em dia, de forma invasiva e que rastreiam o usuário sem consentimento, é uma prática agressiva e que deveria ser extinta.

Alguns dias atrás, eu me deparei com alguns sites que estavam completamente quebrados e impossíveis de usar. Por força do hábito, eu abri as ferramentas de desenvolvedor do Google chrome, e percebi que na verdade, era o meu bloqueador de anúncios que estava quebrando o site. A primeira coisa que me veio à mente foi:

Pô, talvez os caras que desenvolveram o site eram profissionais mais júnior, e não pensaram no que poderia acontecer nesse cenário, ou talvez o meu bloqueador de anúncios esteja apagando mais partes do site do que deveria...

Mas logo em seguida, eu me questionei:

E se isso foi feito de propósito?

Então eu percebi que eu talvez não tenha sido a primeira pessoa a me sentir mal por ter um bloqueador de anúncios instalado, e que eu deveria desligá-lo pra que o website pudesse voltar a funcionar normalmente. Então, eu me pergunto:

Será que tem websites por ai fazendo seus sites quebrarem de propósito quando as pessoas usam bloqueadores de anúncios para forçá-las a desativá-los, mas de forma inconsciente, pra que ela não sinta que está sendo obrigada a isso?